• Menu
  • Menu

🌴 5 dias no paraíso de El Nido, Filipinas 🇵🇭 | O que fazer

[dropcap]H[/dropcap]ello Philipines!!!!!
Sinceramente, nem sei por onde começar. Simplesmente AMEIIII as Filipinas!!! Não tem comparação com nenhum sitio que tenha visitado antes.
A simpatia, a honestidade e ajuda das pessoas, as paisagens, o tempo, os pequenos paraísos… enfim, tanta, mas tanta coisa boa nestas ilhas!!! Aqui sim, posso dizer que estive no Paraíso!

El Nido – City Guide

[one_half]

Como Chegar

Bem, o problema das filipinas é que queremos visitar tudo, no entanto são 7.000 ilhas e torna-se complicado, principalmente porque não é um país onde todas as ilhas se encontram desenvolvidas.
Para chegar até El Nido, tivemos de voar de Phuket para Manila (capital das filipinas), passámos uma noite em Manila por causa das horas do nosso voo e no outro dia voámos para Puerto Princesa, na ilha de Palawan. Depois de estarmos em Puerto Princesa, apanhámos uma mini-van logo no aeroporto, por 900p para duas pessoas, e demorámos cerca de 6 horas de carro até El Nido.

Se não quiserem fazer este caminho todo e tiverem um budget alargado, podem sempre apanhar o voo de Manila até ao aeroporto de El Nido. [/one_half][one_half_last]

Se achas que o nosso percurso não é o mais indicado para ti por ver outras opções de como chegar a El Nido, Palawan, aqui.

O que Visitar:

Praias:

  • Praia de El nido – Pode-se ir a esta praia durante o dia, de manhã os barcos saiem para as tours e a praia fica completamente deserta, tem um pôr do sol e uma paisagem linda!
  • Corong corona Beach
  • Las Cabañas Beach
  • Nacpan Beach – paga-se 50p por pessoa (~0,80€) , mas é sem duvida uma das melhores praias de Palawan, é enorme e completamente deserta, felizmente ainda não houve nenhum grupo turistico a estragar a fantástica beleza daquela praia. [/one_half_last]

Tours

Existem várias tours para fazer em El nido, as mais conhecidas são as Tours A e C, onde se pode visitar:

    • Tour ABig Lagoon, Small Lagoon, Simizu Island, Secret Lagoon and 7 Commandos Beach
  • Tour CHidden Beach, Helicopter Island, Secret Beach, Matinloc Shrine and Star Beach

Depois existe ainda as:

    • Tour BEntalula Island, Pinagbuyutan Island, Snake Island, Cudugnon Cave and Cathedral Cave
  • Tour DBukal Island, Ipil Beach, Nat-Nat Beach, Cadlao Lagoon and Paradise Beach

Existem tours em grupo e privadas. Nós optámos por fazer sempre tours privadas.
Fizemos a Tour A, foi pela empresa Northern Hope Tours e pagámos 5000p (~82€) para os dois com comida, mais a Eco-Tourism Development Fee que é 200p por pessoa (~3,20€), no entanto esta taxa é paga uma vez e tem validade de 10 dias, por isso garantam que recebem o papel que comprova que pagaram a fee, porque podem querer fazer outras tours com outra empresa e vão precisar desse papel, caso contrário têm de pagar novamente.

Nós já sabíamos que as mais conhecidas eram as tours A e C, no entanto se quiserem fazer a tour A, é lindíssimo sem duvida, mas tem algumas pessoas, principalmente na Small Lagoon! A vantagem de se fazer tour privada é que podemos escolher o tempo onde queremos ficar e os sítios a visitar e, por isso, com esta empresa pudemos ficar menos tempo na Small lagoon e passámos mais tempo na Big Lagoon sem ninguém! Em grupo, teríamos de perder muito tempo em sítios menos interessantes e cheios de gente. No entanto, não foi das melhores privadas que fizemos, visto que para visitar a tour A por vezes não dá para fugir das pessoas…

Conhecemos um pescador 5* na praia no final do dia, o Sir Martin. Estivemos imenso tempo a falar com ele, no inicio estava a tentar vender tours, mas nós não estávamos minimamente interessados porque já tínhamos ido numa. Ficámos na conversa e ele começou a contar a história dele e por incrível que pareça a história de como foi um Português a descobriu as Filipinas! (que nem sabíamos…). Nesse dia ficou bem assente que não pretendíamos nenhuma tour a mais, mas ficámos a pensar em ir com ele numa tour sem lhe dar a entender, e no último dia que tivemos em El Nido, decidimos fazer a Tour C & D em privado com ele. Pagámos 7.000p (115€) com comida e a melhor decisão da nossa vida!!!! Nunca, mas nunca vimos pessoas, almoçamos no barco numa praia completamente privada só para nós, um silêncio e um paraíso autêntico. Levaram-nos a fazer snorkeling numa zona onde foi sem duvida os melhores corais e animais marinhos mais lindos que vi durante toda a viagem!! Não sei descrever o quão fantástico foi!

Quando nos levavam para sítios onde tinham tabletas que diziam que não podíamos estar ali, nós perguntávamos: “Can we stay here?” Ou qual nos respondiam: “ It’s a free country maam!” Incrível mesmo! “THANK YOU SIR MARTIN!”[one_half]

Internet

Quando chegámos ao aeroporto de Manila, fomos ver dos pacotes existentes de internet. Optámos pela rede Globe, pagámos 600p (~10€) por 4G, sinceramente é mais que suficiente, raramente tinha cobertura de rede em todas as ilhas que visitámos, por isso acho que nem gastei tudo. Sinceramente, não sei se esta era a melhor rede, havia outra a Smart, mas penso que seja geral a falha de cobertura, são sítios muito remotos e só nas vilas maiores é que conseguimos ter um pouco mais de rede. [/one_half] [one_half_last]

Transportes

Nós como ficámos mesmo no centro e tivemos sempre em tours, nunca precisamos de sair muito daquela zona.
No entanto existem:

  • Mota – nós alugámos a mota por um dia, para podermos ir à Nacpan Beach, foi 400p (~6,60€).
  • Tuk tuk – podem vos levar até algumas praias, e se não quiserem andar de mota, é sem duvida o melhor transporte. (super barato) [/one_half_last] [one_half]

Onde Ficar

Os Hotéis são um pouco mais caros nas Filipinas, o que é normal porque assim que lá chegámos reparámos que quase não haviam hotéis, ainda é uma zona pouco desenvolvida. Claro que podem sempre ficar nos resorts no meio de uma ilha, mas para nós estava fora do nosso budget 

Nós ficamos no hotel Inngo Turist Inn, não tem o melhor design/aspecto, mas não tenho nada a apontar. É mesmo em frente à praia de El nido, está perto dos restaurantes e centro da aldeia. A internet é muito fraca e a luz falha regularmente, coisa que não é culpa do hotel, é geral…. do nada a rua toda fica sem luz e só há luz para quem tem geradores (este hotel tinha gerador).

Aconselho que marquem os hotéis com atacendência se quiserem visitar as Filipinas, como referi, não existem muitos e rapidamente os preços podem escalar! Encontrei algumas pessoas que vinham sem nada marcado e depois tiveram que pagar muito por uma noite ou arriscam-se a dormir na rua… Fica o aviso  [/one_half] [one_half_last]

Onde Comer:

Alguns dos restaurantes que fui:

  • Falafel Resturant – Os maiores Falafel que já comi, top mesmo.
  • Altrove – A melhor pizza no forno de sempre, uma dá para duas pessoas sem duvida. Podemos vê-los a fazer as pizzas mesmo ao pé das mesas, muito boas mesmo. Uma pizza foi mais ou menos 350p (~5,70€).
  • Bela Vita El nido – Pizzas no forno, tambem, muito parecido com o Altrove. Mas tem sempre muita fila, aconselho a irem jantar cedo.
  • Glow – Pode-se comer bolos e smoothies top!
  • Sunmai – Bar na Nacpan Beach é fantástico com musica ao vivo e um pôr do sol incrível! [/one_half_last]

Deixar comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *